A pouco mais de 20 dias para a 2ª fase do XXIII Exame da OAB, o cansaço pode se tornar um vilão para a sua produtividade. Porém, estudar com foco na reta final é importante para revisar os principais pontos e enfrentar esse desafio com muita confiança.

Pequenas atitudes que fazem grandes diferenças na sua rotina de estudos podem otimizar a sua produtividade e permitir que você relembre de tudo o que estudou até agora realize a prova com tranquilidade.

Selecionamos abaixo alguns truques que contribuem para que seu cérebro consiga descansar e, assim, absorver melhor o conteúdo estudado. Confira!

Estude em ambientes com iluminação natural

Se trancar em um quarto fechado e iluminado apenas com luz artificial faz com que você perca a noção do dia. Seu cérebro não consegue identificar se é dia ou noite e, como consequência, você poderá se sentir mais sonolento e mais disperso na hora de revisar o conteúdo para a 2ª fase do XXIII Exame da OAB.

Por outro lado, estudar em um ambiente iluminado com luz natural, em que a luz do sol e o ar fresco possam entrar, o deixam mais disposto e com mais energia. Consequentemente, você conseguirá revisar o conteúdo e internalizar o que está estudando com mais facilidade.

Faça pausas para descansar

Determine pausas durante o seu tempo de estudo. Por exemplo, tire 30 minutos de folga a cada duas horas de estudo. Essas paradas não só permitem que você foque sua atenção em outro assunto e, assim, permita que o seu cérebro relaxe, como aumenta a sua produtividade quando voltar a estudar.

O que fazer durante esses 30 minutos de folga? O que quiser. Tirar uma soneca, ouvir música, aproveitar para dar uma olhadinha nas redes sociais, etc. Faça algo que não tenha relação alguma com o que estiver estudando no momento.

Comprometa-se com a pausa assim como se compromete com os estudos. Esse período de descanso é extremamente importante para a sua produtividade.

Alimente seu cérebro

Há alimentos que estimulam as funções cerebrais, como o raciocínio e a memória. Muita gente abusa do café e de outras substâncias estimulantes para que tenham mais energia para estudar. O problema é que o consumo excessivo de cafeína pode, em longo prazo, trazer outros problemas, como ansiedade e insônia.

Por isso, prefira alimentos ricos em ômega 3 (salmão, atum e sementes), no complexo B (carne vermelha, branca, ovos, feijão, lentilha, etc.), alimentos ricos em ferro (principalmente os legumes de cor verde escura) e carboidratos complexos (aveia, pão e arroz integrais). O café e chás podem ser consumidos, mas com moderação. Uma boa dica é deixar nozes e castanhas à mão para beliscar durante os estudos.

Chocolates e alimentos ricos em açúcar e gordura não alimentam e podem deixá-lo com a sensação de sonolência. Cuidado.

Agora é a sua vez. Conte para a gente nos comentários o seu segrede para manter-se produtivo nos estudos para a prova da 2ª fase do Exame da OAB.

 

Quer ser aprovado no exame da OAB? Conheça a melhor e mais eficiente metodologia que vai direcioná-lo à sua aprovação. Aqui suas chances de aprovação são calculadas estatisticamente e você tem a oportunidade de acompanhar o seu progresso todos os dias.

O melhor de tudo é que você pode experimentar o nosso método e comprovar sua eficácia sem compromisso. Interessou? Clique aqui e saiba mais.